Método Pilates — Aula Individual x Aula Grupo

Olá!!!

Vocês sabem que o Blog é super novo, e este é o meu 2º Artigo. Até fiz um cronograma, pra começar do começo (rs), falando sobre Joseph Pilates, sua história, o que é Contrologia, quais os benefícios, pra quem é indicado, o que não é Pilates, etc….mas nos últimos dias, tem acontecido algumas coisas que estão chamando muito a minha atenção, e preciso compartilhar com vocês.

Quem me acompanha sabe, o quanto sou apaixonada por este Método. E a cada dia que passo, tenho mais necessidade de gritar para o mundo, o que é Contrologia!

Estou no mercado com Pilates desde 2009. Ainda sou um pequeno gafanhoto. E de lá pra cá, algumas coisas estão me chamando atenção, e vejo que assim como qualquer área, e o brasileiro criativo como ninguém, muita coisa está se perdendo, muitos valores estão deixando de lado para vender mais….Mas preciso deixar claro, que o que vou colocar aqui, são os MEUS VALORES. Cada pesssoa, aluno, professor tem os seus. A idéia não é discutir com ninguém, ok?

Mas vamos ao que interessa, ao tema deste artigo!

Você já fez aula experimental de Pilates? Já iniciou o seu plano? Você faz/fez aula em Grupo ou Individual?

Se a resposta for não, e se você experimentou só um tipo de aula e não o outro, te aconselho a experimentar. Você tem que analisar o que você quer pra sua vida, pro seu corpo. O que busca pra você? Quantidade ou qualidade? E veja: estou falando de Pilates Clássico. Não adianta você querer comparar o sabor de um chocolate com o sabor de um limão.

Sou professora de Educação Física, fui professora de Ginástica, dei aula em Academia renomada, como Companhia Athletica por quase 10 anos, e a energia de uma aula em grupo é de arrepiar os cabelos. Mas quando a coisa aperta, para onde o aluno corre? Com o Personal de Musculação (e como também já dei muita aula de Musculação Personalizada…sei bem como é).

Contrologia, apesar de ser um Método de Condicionamento Físico, Mental e Espiritual, não é Ginástica em Grupo (calma, vou explicar). Apesar da Aula em Grupo ser contagiante, energizante, divertida porque se troca experiências….principalmente nos 1ºs anos, pela minha vivência em Studio, não deve ser feita em Grupo. Existe a aula de Mat Pilates (Pilates no solo) em academias. Eu mesma, tive minha turma lá na Cia Athletica. Era muito bom, mas não se compara a qualidade de uma aula individual em Studio! E tem até registro de vídeos do Joseph Pilates no YouTube.

Romana Kryzanowska — 1ª Geração (Ela foi o braço direito de Joseph H. Pilates — e em outro artigo, conto a história dela), enquanto viva, em seu Centro de Certificação nos EUA, o Professor só poderia iniciar o Processo de Certificação, após passar por em média, 60 Aulas Individuais em Studio! Inelia Garcia — 2ª Geração (Ela tem o Centro de Certificação aqui no Brasil pelo Authentic Pilates), certificada pela Romana e vinculada à ela, também tem a mesma exigência. Sou certificada pelo Authentic Pilates, pela Inelia Garcia, então sou 3ª Geração, passei por essas aulas iniciais, e depois por todos os desafios da Certificação, vivenciando cada Módulo Básico/Intermediário/Avançado, praticando, treinando, estudando, conduzindo por 6h/dia (duração de aproximadamente 1 ano e meio) e entendo perfeitamente esta posição. CADA CORPO É ÚNICO!

O Corpo, durante as primeiras aulas, e as vezes, nos primeiros anos, passa por um processo de auto-conhecimento. Cada corpo, sua história, suas dores, suas dificuldades, seus bloqueios. Cada coluna é de um jeito. Cada joelho é diferente. Se a Contrologia se trabalha absurdamente o alinhamento, como cuidar de 2, 3 ou 4 corpos diferentes na mesma sala com 1 único professor, sem controle nenhum, sem força no centro e cada pessoa em um aparelho diferente?

Tenho para mim, que você cresce no Pilates, como uma criança. Quando bebê, você precisa tocar, segurar, cuidar, conduzir, ensinar até que se ande sozinho. E quando seu filho está andando com as próprias pernas e seguro de que não vai cair, você só conduz e orienta verbalmente, dando dicas para melhorar (porque nada é perfeito).

Enfim, o que eu quero dizer, é que tomem cuidado com as aulas em Grupos feitas de qualquer jeito, para qualquer um. E assim, você terá qualquer resultado. Como eu disse hoje pra minha querida aluna (que estamos juntas há 2 anos em meio), sempre dá pra espremer um pouco mais o limão! Temos que tirar toda a essência, todo o benefício daquele exercício/movimento que você está fazendo. E não simplesmente ligar no Piloto Automático e fazer por fazer. (Ex: faz 10 vezes. Inspira pra ir, e Expira pra vir). E digo isso para também as Aulas Individuais. Porque elas estão aí para isso! Para serem sugadas ao máximo. Novamente te pergunto: Você quer quantidade ou qualidade? Não adianta passar em todos os aparelhos, tendo a sensação de que a aula rendeu, sem fazer correções corretas. O menos, é sempre mais! Faça poucos exercícios com qualidade, e faça muitos exercícios de qualquer jeito. E veja a diferença em poucas sessões. Quem vai evoluir mais?

“Não importa o que você faz, e sim COMO você faz”. Joseph H. Pilates. Esta frase é poderosíssima!!!!

Ao passo de formiguinha, se vai mais ao longe com muito mais saúde e segurança.

O Professor que sabe o que é Contrologia, tem amor nos olhos ao dar aula. Dá seu sangue, o seu melhor, sabe o que é bom para o aluno. Se o aluno pedir um exercício X, o professor tem que avaliar se é o momento certo do corpo do aluno. Quando o Professor diz NÃO, pode acreditar. É por amor e respeito a você!! Igual amor de mãe!!!

EXEMPLO:

— Filho: mas mãe, todo mundo faz…

— Mãe: Mas você não é todo mundo!! Você é MEU FILHO! E eu sei o que é melhor pra você!

oooowwwnnnnnnnn S2

Espero ter conseguido passar um pouco dos meus valores. E aqui também vou dando os meus passos de formiguinha.

Mais à frente, vamos também falar sobre Pilates Consciente. Com certeza, irá complementar sobre este tema.

Um beijo no coração de todos! Até breve!

Aline Amaral

Like what you read? Give Aline Amaral Pilates Studio a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.