O Povo Quer Bolsonaro

Quando Lula aparecia em primeiro lugar nas pesquisas, acabei ficando espantado, parece que o povão nem ligava do Lula ser um presidiário, um criminoso. Parece que mesmo após intensa cobertura da Globo, no caso da prisão do ex-presidente, a massa queria mesmo era voltar num tempo onde tinha emprego e crédito facilitado, pra resgatar essa boa memória só existia um nome.

Apesar de intelectuais de esquerda e até pessoas com menos senso crítico, defenderem que Lula é um preso político, o julgamento obedeceu todas as etapas. Foi preciso superar a figura quase messiânica de Luís Inácio e encarar que o PT era Fernando Haddad. O prestígio de Lula levou Haddad pro segundo turno, no entanto as pesquisas mostram que ele perde de Bolsonaro. Na medida que cresce o PT, cresce o anti-PT.

Como Bolsonaro venceu o PT?

Há 4 anos atrás, mais ou menos, acompanho as baboseiras de Bolsonaro. No seu passado já deu declarações nitidamente homofóbicas, existem diversos vídeos que não são fake news, deixando explícito seu preconceito. Além de não simpatizar com a comunidade LGBT e já ter pago uma indenização por ofensa a esse grupo, Bolsonaro é um conhecido anti-petista, ganhou muita notoriedade mostrando-se sempre como o homem honrado, defensor da família, da ética, da verdade e contra a corrupção.

Bolsonaro não é um gênio, não é nem um grande político, não tem nenhum grande projeto, não tem experiência em gestão pública, já admitiu ser um analfabeto econômico. Por qual razão o Brasil o quer presidente? Pela mesma razão que elegeria Lula: medo, ignorância e culto a persona.

Lula seria eleito por medo, do povão não ter mais emprego, crédito, segurança, escola… Ignorância por não compreender que o PT foi um partido extremamente corrupto e nessas eleições apareceram tanto partidos de direita quanto esquerda, bem mais honestos. Culto a persona; Luís Inácio virou um mito, ficou conhecido como o humilde metalúrgico, pouco alfabetizado, que mais fez pelos pobres no Brasil.

O povo não sabe à fundo como resolver as questões de empregabilidade, segurança, educação, saneamento básico e etc… Mas apoia quem fala com firmeza e certa indignação sobre a atual situação. Nossa eleição tem tons de Big Brother Brasil.

“Eu voto nele, porque Bolsonaro tem caráter, tem que mudar um pouco, chega de PT, chega de roubalheira…”

Esse é majoritariamente o argumento do seu eleitorado. Assim como Lula não tinha conhecimento, mas tinha vontade e muitas ideias, Bolsonaro não tem preparo, mas tem firmeza e indignação, da qual casa perfeitamente com nosso momento, com a crise, é o que supre a carência do povão.

Bolsonaro é o Pior Candidato

Sempre defendi que Bolsonaro é o pior de todos os candidatos, tirando Cabo Daciolo que só foi aos debates pra fazer teatro, Bolsonaro é o menos preparado, é farinha do mesmo saco, há 30 anos na política, nunca fez nada relevante, é aquele anti-petista ignorante, que odeia o partido de forma tão irracional, que consegue fazer de criticas verídicas e plausíveis, até criticas infundadas e totalmente fantasiosas, como o caso do Kit Gay. Na verdade era um projeto chamado “Escola Sem Homofibia”. Bolsonaro chegou a mentir sobre um seminário LGBT infantil, dando a entender que crianças participavam desse seminário.

Seu plano econômico flerta com ideias liberais, fala em privatizações, redução de ministérios, educação a distância, e coloca o ódio ao PT como responsável pelo fracasso na educação, através de uma possível doutrinação. Bolsonaro fala em menos burocracia, mais facilidade para abrir uma empresa, mas sem saber que um dos maiores motivos da falência de pequenos e médios negócios é a falta de estudo mercadológico. Bolsonaro não toca de forma profunda na reforma política, da qual mantém diversos privilégios para parlamentares, da qual sempre beneficiou a velha política.

Bolsonaro é corrupto, recebeu propina da JBS Friboi, não em seu nome, mas pelo PP, que queria depositar uma gorda quantia em sua conta, como Bolsonaro devolveu, a JBS fez uma “doação legal” ao partido.

Mesmo tendo casa própria, usou 7 mil reais de auxílio moradia.

Várias páginas de direita foram excluídas do Facebook, vários perfis excluídos, todos que faziam campanha para Bolsonaro. Houve uma limpa na internet pra tentar reduzir os efeitos das Fake News. Ciro Gomes e Haddad já entraram com pedido de impugnação da campanha de Bolsonaro. Já houve denúncia formal e até o momento, existe uma investigação. Caso o nome de Bolsonaro esteja atrelado ao pagamento pela propagação de notícias falsas, já teremos seu primeiro grande escândalo, mesmo sem antes de assumir.

Além das fake news, alguns de seus eleitores cometeram assassinatos, mataram uma travesti a facadas, aos gritos de “ele sim”. Um mestre de capoeira foi morto, por um de seus eleitores. Seu governo nem iniciou e pessoas já estão encorajadas a matar em nome de Jair.

É bastante preocupante e delicado o momento que vivemos, não apenas por estarmos elegendo um despreparado, um aventureiro que surfa nas ondas de medo e ignorância, mas pelo clima, pelo receio que andar na rua sabendo que se manifestarmos nosso repúdio à Bolsonaro, corremos o risco de morrer. O Brasil tem problemas sérios de ordem econômica, de ordem política, é preciso muita competência pra melhorar essa situação, e competência é algo que não dá pra esperar do Bolsonaro. Desejo estar errado e espero que faça um bom governo. Fundamento não há.