nina

Em uma pequena cidade no interior de Minas Gerais, cinco garotas vivem sob o mesmo teto. Sem nenhum adulto para guiá-las, apoiam-se numas às outras para toda e qualquer tarefa de suas vidas pré-adolescentes.

Catarina, a caçula de apenas seis anos, acompanha a vida das irmãs mais velhas com admiração e distância melancólicas. Era nela em que a mãe confiava para que toda sua prole estivesse a salvo. Apesar disso, Catarina e sua mãe nunca foram próximas, talvez por desempenharem papeis tão similares na família…

O principal sonho de Catarina era estudar. Começar a pensar de forma independente, assimilar tudo o que era passado e vivido na escola em que as irmãs estudavam. Encantava-se com as histórias que as meninas contavam na hora do jantar, enquanto servia a elas grandes colheradas de arroz fresquinho.

Em um de seus passeios vespertinos pela cidadezinha, Catarina percebe uma movimentação estranha nos fundos da escola: uma de suas irmãs se abraçava com um garoto.

(to be continued…)