Você é feliz, ou finge ser?

Vocês não se cansam de abrir o facebook, instagram, snap e ver pessoas superficialmente felizes? Sério, de verdade. São tantas realidades criadas e falsificadas, tudo isso pra provarmos que somos felizes. Bem, você pode me dizer "As pessoas não podem demonstrar quando estão felizes?" sim, elas podem. Mas ninguém é feliz os 365 dias do ano, a felicidade é um instante de vida que vale por sí só. Então, se fôssemos felizes o tempo todo, a vida não teria graça. Pois são nos momentos de tristeza e de angústia que encontramos os raríssimos momentos de felicidade, esses sim, insubstituíveis e não repetitivos. Antigamente tirávamos fotos para gravar momentos importantes, momentos realmente felizes, momentos que valiam a pena serem fotografados, hoje nós temos uma disputa por curtidas e elogios, uma busca por preenchimento do ego, uma tentativa de melhorarmos nossa auto estima. Não registramos mais momentos felizes, registramos momentos que gostaríamos que fossem felizes. Então seria essa felicidade estampada todos os dias, uma realidade artificial, fabricada, pois é mais fácil fingirmos a alegria do que expressarmos nossa tristeza, ninguém adora estar triste, ninguém esbanja angústia, mas se infelicidade fosse algo benéfico, acredite, todos os dias estaria sendo estampado nas nossas redes sociais.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.