30 Lições que aprendi em meu intercâmbio. [ A 27 sem dúvida é a mais importante]

Publiquei este texto em meu Facebook pessoal a algum tempo atrás quando ainda estava morando à 6 meses fora, fiz algumas alterações mas a grande maioria das “lições” continuam valendo.

  1. A maior riqueza que você pode ter é sua família;
  2. Não economize quando for comprar um edredom;
  3. Valorize o sofá da sua casa;
  4. Paisagens bonitas recarregam energias;
  5. Economize com comida e gastará com remédios;
  6. É possível viver sem carro;
  7. Em 4 minutos é possível tomar um bom banho;
  8. Beber muita Guinness te deixa com gases;
  9. Ninguém sabe tudo sobre a vida;
  10. Nada é tão ruim que não possa piorar ou melhorar;
  11. Não achou? Então não procurou direito (seja sua chave ou um emprego);
  12. Trabalhar de graça pode ser chato, mas acredite: isso um dia vai voltar pra você;
  13. Não tenha medo;
  14. Tenha foco;
  15. Não é necessário um cartão de crédito para viver;
  16. Sempre que você se preocupa com o que os outros vão pensar de você, na verdade você está se preocupando com o que você irá pensar de você mesmo;
  17. Não mate o tempo, ele vai fazer falta um dia;
  18. Nada nunca vai acontecer como você imaginou;
  19. Você não é o que você tem;
  20. Amigos vem e vão mas os verdadeiros ficarão;
  21. Se for confiar em alguém confie em si;
  22. Gerenciar suas vontades e desejos é difícil, mas você consegue. sua vida fica mais fácil;
  23. Seja sincero com os outros e principalmente com você;
  24. Para ser feliz basta concordar com as mudanças da vida;
  25. Sua casa pode ser qualquer lugar que você se sinta bem;
  26. Você não precisa ter certeza de nada;
  27. Não se cobre tanto;
  28. Controle sua ansiedade ou ela te matará;
  29. Não precisa estar perto pra estar junto;
  30. Não tenha medo do próximo passo.
Apenas um cara comum tentando fazer coisas extraordinárias.
Texto escrito ao som de Step Out-Jose Gonzalez
Samuel Becket — Dublin.
One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.