Os 10 Princípios da Economia

Economia é um termo que vem do grego oikonomos, e que significa basicamente “aquele que administra um lar”.

A origem da palavra não é por acaso: quando falamos de economia, estamos falando de uma determinada gestão de um determinado lugar, para que, conhecendo seus aspectos, possamos gerenciá-lo.

Se por um lado o administrador do lar precisa tomar decisões sobre como gerir seus recursos domésticos, também o administrador de uma nação (como por exemplo um presidente) precisa decidir sobre os rumos que serão tomados, a fim de alocar os recursos escassos disponíveis no mercado, da maneira mais eficiente e/ou mais justa.

E o estudo da economia é importante justamente por isso: não há como ter tudo para todos. É preciso decidir o que fica com quem, quem faz o que e quais os impactos dessas trocas e relações em diferentes graus da sociedade.

E isso… bem, isso é objeto de disputa. Economistas pelo mundo todo se posicionam não apenas economicamente, mas mesmo politicamente. Quando você fala de economia, não há como fugir da política, e aí temos polarizações inevitáveis.

Entretanto, alguns princípios norteiam o estudo econômico, e, se não são aceitos por todos, são aceitos por quase todos os economistas vivos.

Conheçam agora os 10 princípios da economia, que adapto para este vídeo a partir do livro “Introdução à Economia”, de Gregory Mankiw.


Se você gostou, por favor, compartilhe com seus amigos! ♥