Pedagogia progressista: a necessidade de inovar na educação
Dawton Valentim
956

Show de bola, Dawton! Vai falar sobre as tendências pedagógicas também? Hoje mesmo tive que apresentar um trabalho sobre a tendência liberal renovada não-diretiva, que é a que (tento) aplicar na escola onde trabalho. Mas quando mesmo uma aplicação não-diretiva é difícil de concretizar, o que dizer das progressistas? Dadas as exigências do mundo fora de sala de aula, como ENEM, Vestibular e tudo mais nesse sentido, faz sentido “sacrificar” alguns estudantes em prol de um modelo idealizado? Gostaria de ler algo teu sobre isso.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.