Vigário Psique

Eu não amarei alguém como o amei.
Sem o favorecer ou vangloriar, longe de mim.
Mas justamente por não mais me encontrar como quem era quando o amava.
Sua face hoje me é extinta,
indiferente, quase inexistente.
Mas creio que ainda lembrarei dos versos que criei,
mesmo que não mais me vistam.
Isso porque amei mais o amor que encantei do que a você mesmo 
em pele encarnada.
Por ser minha extensão e de mais ninguém.
Se te lembro e te percebo como vivo, pouco importa.
Mas se lembro o que fora ou poderia ter sido 
em tardes frias como essa,
choro.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.