Essa é uma história.
 É defeituosa, infeliz, comum mas é algo. Dentro de tantas inseguranças, algo se torna questionável. Como somos tão sem amor se mal nos conhecemos?
 Ok, somos criaturas vis e mundanas. Mas a que ponto chegamos com nossa dor? Eu sou uma pessoa fora do normal — nem sabendo o que é o normal. Me considero um caso de estudo. Tenho várias certezas e convicções tão fortes quanto um castelo de cartas. E uma realidade tão viva quanto essas palavras escritas. Não sei o que é beleza. Acho patético se considerar inteligente.

Falando em patético- essa palavra surgiu como um qualificador daquele com exageradas emoções. Isso eu sei que sou.

Emoções são uma boa forma de definir este movimento. Mas pera ai! Estamos andando? Não. Estamos caindo. Em constante queda, já que nunca em realidade.

Originally published on Tumblr

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Ana Clara Melo’s story.