A famigerada sororidade
Tailany Costa
562

Você conseguiu colocar em palavras tudo o que tenho visto em algumas páginas feministas. Vejo muitas mulheres exigindo sororidade num instante e no outro criticando outras mulheres por escolherem vertentes diferentes ou por terem vivências diferentes, como se isso as tornassem inimigas. Também já vi muitas que parecem querer criar um “livro de regras feministas” e se alguém discorda ou apenas questiona é rejeita e algumas vezes agredidas verbalmente. É uma pena, mas infelizmente ainda temos um longo caminho a trilhar até que possamos ter um movimento realmente unido.

Like what you read? Give Ana Ligia Santos a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.