DESVIO

Um sofá de veludo
vermelho
encontrado no lixo
é mais esplendoroso que
Tu.
Levei-o para casa
ele faz-me mais feliz que
Tu.
Nem és confortável, nem suave,nada de veludo aí.
O que foste foi um Desvio
mas há múltiplos caminhos.
Contornei-te e agora
já não me importo e agora
não me impressiona e agora
o que plantas desabrocha em secura
Tu és Más Colheitas
tu és tu mais a raiva que cultivas
com tanta outra coisa que podias cultivar.
Eu sou eu
e desviei-me para esse caminho lamacento e triste e desconsolei-me
adoeci quanto mais andei
mas voltei
e eis por fim uma estrada nova:
Imperfeita como eu. Óptima. Minha.
Planta mais batatas putridas que nem a ti te alimentam-
-se queres continuar a fazê-lo-
Mas eu não vou colher.

Tudo isto para dizer:
Au revoir!

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.