Vivo

Você não morreu pra mim. E parece que nunca vai morrer. Por mais que queira isso.

Só tem dois dias que decidi que a única forma de te superar era não saber mais de você. Que apaguei seus contatos e parei de esperar suas mensagens com o celular grudado na mão.

Mentira. Ainda passo o dia inteiro olhando amargurada para qualquer mensagem que recebo só porque não é sua. Só hoje já vi pelo menos cinco coisas que tive vontade de te mandar ou contar. Passei naquela prova. Quase comprei um doce que você ia adorar, mas desisti porque ia comer chorando. Recebi uma piada idiota que te faria rir. E por aí vai, você não está aqui, mas está em todo lugar.

Não vai ser fácil, viu?

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.