Crédito: Caleb George / Unsplash

Smarketing sem rodeios: como acelerar em até 32% o crescimento em receita

As empresas perdem cerca de 4% ao ano em receita quando Marketing e Vendas não se entendem

Em todas as organizações dos setores econômicos e ecossistemas corporativos, é comum Marketing e Vendas se relacionarem como adversários. Este comportamento não é saudável para o clima organizacional e nem para os resultados do negócio.

Segundo pesquisas realizadas pela consultoria global Aberdeen Group, estima-se que empresas que implantaram processos de Smarketing atingiram até 20% de melhoria em suas receitas anuais e alavancaram um crescimento até 32% mais rápido.

Na contramão, as empresas pagam alto quando Marketing e Vendas atuam desintegrados, perdendo cerca de 4% ao ano em receita (dói no bolso!).

Smarketing: o segredo do sucesso

Smarketing (Sales + Marketing) consiste em consolidar processos corporativos para a otimização do relacionamento entre Marketing e Vendas, com foco em objetivos corporativos da empresa ou organização, com a meta principal de melhorar a receita. Marketing e Vendas são metades de uma mesma equipe (ou seja, chega de mimimi ;-); os 2 principais componentes para o sucesso — Marketing, desenvolvendo prospects até qualifica-los como leads por meio de estratégias de marketing; e Vendas, que converterão leads em clientes e promotores, por fim, gerando vendas.

Para alcançar essa otimização, práticas benéficas para o negócio são recomendadas por consultorias. Desenvolver uma atmosfera para que todos se sintam parte do objetivo é uma missão importante para todos os líderes de equipes.


A seguir, apresento 6 práticas importantes para uma integração bem-sucedida de Smarketing:

1 — Vendas e Marketing devem compartilhar e serem responsáveis pela mesma meta organizacional.

2 — Quaisquer projetos a serem desenvolvidos devem ser integrados e correlacionados com tais metas organizacionais e desenvolvidos por ambas equipes.

3 — Vendas e Marketing devem acompanhar o desempenho um do outro, o que permite a colaboração e ajustes em tempo real.

4 — Deve existir uma compensação para Marketing equivalente às compensações para Vendas, visando o melhor alinhamento organizacional em prol de um mesmo objetivo e a motivação dos envolvidos.

5 — Deve existir um claro alinhamento e reconhecimento de Vendas e Marketing sobre as “buyer personas” da empresa. Ambas equipes precisam discutir e manterem-se atualizadas sobre o perfil de cada persona.

6 — Todos se beneficiam quando Marketing e Vendas colaboram em torno da acessibilidade de conteúdo e dos dados dos clientes. Portanto, foco em adotar uma plataforma de automação de marketing vinculada aos serviços de Customer Ralashionship Management e Inteligência de Negócios, é crucial !!


Hoje, alcançar o sucesso exige uma mudança dessa relação tradicionalmente conflitante — para isso, comunicação e sincronia são as palavras de ordem. Reuniões periódicas, closed loop reports transparentes e disponíveis, plataformas automatizadas e integradas, são alguns dos recursos que apoiam essa integração.

Já parou para avaliar o quão integradas estão as suas equipes de Vendas e Marketing?


Andréia Pereira

Profissional de Marketing, Comunicações e Engajamento Digital

Catalisadora de jornadas focadas em resultados #journeycatalyst

Perfis sociais:

Linkedin: www.linkedin.com/in/euAndreiaPereira

Facebook: www.facebook.com/euAndreiaPereira

Twitter: @andreiapereira_

Email: hi_andreiap@icloud.com