Tu és sombra eterna

Tu és sombra

És a lombra

Da fuga da memória

Como atitude compulsória

Pensar em ti

É sufocar nos sonhos

Trazidos por aracati

Repetidos e enfadonhos

Teus olhos me acompanham

E eu não te esqueço

As verdades me acanham

E eu amoleço

Sempre te desejo Eu me alarvejo Asperejo

Gaguejo

Teus olhos nunca esqueço


Previously published on June 9th, 2017.