hoje o meu pai chorou

O meu pai trabalha 10 horas por dia. O emprego do meu pai faz ele ficar 10 horas em pé. Ele caminha durante 10 horas. Ele não é atleta nem carteiro. Ele é conferente. Do tipo que confere as cargas dos caminhões do Polo Petroquímico. É isso que ele faz 10 horas por dia. Meu pai acorda às 5h30 da manhã e sai de casa às 6h30. Meu pai chega em casa perto das 20h, quando não faz hora extra, porque meu pai recebe pouco pra quem fica em pé durante 10 horas seguidas.

Meu pai tem problema de coluna, hérnia de disco. Meu pai trabalha nos fins de semana na casa da sogra. Meu pai mora com a esposa eu moro com a minha vó ele vem ver a mim e ao meu irmão toda noite mesmo que esteja cansado.

Eu voltava da faculdade com a van do colégio do meu irmão. O motorista me assediou. Meu pai que me busca agora, três vezes por semana, 23h. Podia estar dormindo, mas vai me buscar pra eu não andar sozinha de noite na rua.

Chega o fim do mês e todo o dinheiro que meu pai ganha pra ficar em pé 10 horas por dia se vai todo nas contas e não sobra nada. Nem um centavo.

Meu pai sempre disse que nunca teria condições de pagar uma faculdade e eu consegui uma bolsa.

Meu pai nunca me deixou faltar nada. Meu pai me ensinou muitas coisas. Meu pai é meu exemplo mesmo que eu saiba que meu pai não é perfeito. Meu pai me ensinou valores, caráter, meu pai me aceita como eu sou e me ama. Meu pai é tudo que eu tenho.

Hoje, o meu pai chorou. Ele chorou e disse que não é um bom pai. Ele queria falar algo mas deixou que as lágrimas tomassem o lugar das palavras. Eu acho que ele se sente distante porque o capitalismo rouba todo o seu tempo e energia, suga a vida. Meu pai vai fazer 45 anos exatamente um mês depois que eu completar 18 anos, meu pai é jovem. Meu pai tá cansado. Hoje o meu pai chorou porque tá cansado e porque acha que não é um bom pai.

Mas o meu pai é o melhor pai do mundo. Eu amo o meu pai. Eu quero ser como o meu pai. E me dói o coração e me doeu quando eu chorei com ele e disse que ele é o melhor pai. Tenho provas e convicção.

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Ari’s story.