Hoje vi alguém com seus traços…

Camisa de botão, óculos quadrado… carinha de professor.

Estava acompanhado de alguém que lhe dava muito carinho.

Enquanto observava aquilo de longe, me sentindo uma stalker, pensei por um momento que sentia certa inveja.

Não da moça que estava ali com teu doppelganger, mas do momento bonito que o casal vivia.

Não deu pra segurar uma lágrima que quis cair.

Percebi que queria ser a moça que te dava beijos carinhosos dentro do ônibus e colocava a cabeça no teu ombro no final da tarde num dia cansativo.

Percebi que me enganei esse tempo todo dizendo que tua distância e tua ausência não doíam mais.

Percebi que a nossa conexão me marcou muito mais do que pensei.

Percebi que a gente se engana pra dor não ser tão grande.

Percebi que o que a gente não viveu tá doendo muito mais.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.