1 mês de Canadá

Ainda em Montréal, na Estação Papineu, algumas horas depois da minha chegada.

Completei meu primeiro mês de Canadá no último dia 23. Ao longo desse primeiro mês, muitas coisas aconteceram, muitas coisas novas foram aprendidas e… bastante gente tem me perguntado sobre curiosidades daqui.

Eu até cheguei a escrever um roteiro para um vídeo contando sobre alguns acontecimentos. Mas ainda não estou preparada para dar as caras dessa forma. Nunca fui muito de me expor, então… baby steps!

Nesse primeiro mês, nós (Rafael e eu) conseguimos alugar o apartamento que vamos morar (ainda não estamos morando nele, pois estará disponível somente em setembro), conhecer e se localizar na cidade, aprender que não é ofensa negociar, participar dos eventos promovidos pela cidade, conhecer alguns restaurantes e bares locais (e já ter alguns preferidos), visitar cidades vizinhas, fazer compras pro apartamento e algumas coisas que vou acontecer logo abaixo.

A nossa cidade

Para quem não sabe, estamos morando em uma pequena cidade da região de Laurentides chamada Sainte-Adéle. Fica há 1 hora de carro de Montréal (ou 3h de transporte público — mas outra hora falaremos sobre isso) e parece um cenário de filme. As casas são bem bonitinhas, as ruas mais centrais têm vasos de flores nos postes, placas de “atenção às nossas crianças” indicando para reduzir a velocidade em algumas ruas e por aí vai.

Algumas curiosidades sobre a cidade:

  • Nem todas as ruas possuem calçadas, só as mais perto do centro ou das estradas. As pessoas não andam muito a pé por aqui. Talvez seja até mesmo pela falta de calçada ou mesmo porque é uma região de serra, então qualquer caminhada de 1 quadra já é digna de uma bela camiseta suada nas subidas e descidas íngremes.
  • Sainte-Adéle é uma das cidades que fica na região de Laurentides, como eu disse acima, mas é importante entender o que isso significa. A região é composta por diversos municípios (mais de 80) e todas as cidades possuem um viés turístico, principalmente em função da sua geografia. A região é visitada por diversos turistas que buscam atrações como Spas, Ski, Ciclismo, Trilhas, etc. A gente está, aos poucos, conhecendo as cidades que estão na nossa volta. Vou escrever sobre elas futuramente.
  • Apesar de ser bastante turística, tanto no inverno (para esportes na neve) quanto no verão (para spas e turismo aquático nos lagos da região), a cidade realiza diversas atividades para os moradores. Nós participamos de três eventos que ocorreram até agora: fomos há dois shows na praça central da cidade e na feira promovida aos sábados para pequenos produtores e comerciantes locais. O inverno ainda falta para começar, mas o que sabemos é que os eventos são realizadas pela prefeitura durante o ano inteiro.

Só existem idosos por aqui?

Logo que chegamos, ficamos um pouco assustados com a falta de adolescentes e crianças pela cidade. Realmente chama a atenção a quantidade de pessoas de meia idade para cima que vimos por aqui. É um festival de carrinhos elétricos com idosos por aqui, que é impressionante!

Mas algumas semanas depois percebemos que chegamos bem na época de férias escolares e muitas famílias aproveitam para viajar. Passada as férias, a cidade parece estar no seu normal. Não que hoje tenha uma enxurrada de crianças por aqui, mas já é possível ouvir vozes na vizinhança e ver crianças pelas ruas. Ufa!

O verão canadense

Bom, como nós chegamos em pleno verão, já tivemos a nossa primeira expectativa derrubada. Eu, particularmente, acreditava que o verão daqui não era de nada. Afinal, eu sou brasileira né, de verão eu entendo. Só que não.

O verão por aqui (pasmem!) é realmente quente. Não entendo sobre clima, mas a sensação do verão daqui é que a gente está sendo assado num forno elétrico! Fica até difícil pensar que, em alguns meses, estaremos cobertos de neve e com temperaturas bem abaixo de zero graus celcius.

Próximos assuntos

Estou me organizando para escrever mais sobre a rotina aqui. Mas já tenho na minha listinha os seguintes assuntos:

  • Restaurantes e bares
  • Curiosidades gastronômicas do Canadá
  • Transporte público
  • Conhecendo cidades vizinhas

Espero que tenham gostado!

Bjs (porque eu sou brasileira e mando beijo sim!).