Sri Sri Ravi Shankar

A visão de um mestre indiano sobre ataques em Paris e o terrorismo no planeta.

Em meio a tantos textos evocando violência como resposta a violência nos últimos dias, confira esta carta de Sri Sri Ravi Shankar, fundador da Arte de Viver que foi publicada em um grande jornal da Índia sobre os ataques em Paris. Confira o texto em inglês neste link.

“Os terríveis ataques em Paris geraram frio na espinha de todos do planeta. Isto teve um impacto direto, não apenas na forma européia de vida, mas nos valores que são comuns a todas as sociedades liberais. A India, o Paquistão e o Oriente Médio também sofreram muito devido ao terrorismo. Ataques repetitivos causaram um certa dormência na psique humana no Iraque, Afeganistão e outros lugares.

Quando tais incidentes acontecem, nós ouvimos muita condenação cosmética e simpatia diplomática. Nós precisamos entrar na causa raiz desta forma de pensamento — a fonte do financiamento e o suprimento de armas. Quando um ato não humano é cometido com uma santidade e orgulho religiosos mal colocados, então o senso comum, a razão e o dialogo não encontraram um lugar. Qualquer ação militar apenas faz com que as coisas fiquem piores e resulta no reagrupamento da ideologia. Nós vimos isso de novo e de novo.

Se uma sociedade precisa viver no medo o tempo todo, isto não soa bem com relação ao século que estamos vivendo. O que aconteceu de errado? Quem pode tomar uma ação? Muitas perguntas surgem e permanecem sem resposta.

Os líderes religiosos, pelo menos neste momento estão prontos para assumir responsabilidade?

Eles podem arriscar suas posições e vidas para se colocar contra tais ideologias que não respeitam a vida?

O governo vai banir o lobby das armas e buscar o financiamento que vai para tais grupos terroristas?

O mundo irá algum dia se mover em direção a um objetivo comum onde existe justiça, onde a compaixão e a fraternidade reinam como a filosofia central de vida?

A diversidade pode ser celebrada ao invés de tolerada?

O nosso sistema educacional pode promover a razão ao invés da fé cega?

Um zilhão de perguntas como essa surgem apenas para deixar o homem comum mais frustrado e deprimido. Existem alguns que se mostram cegos para tais acontecimentos e mudam para canais de entretenimento, enquanto outros estão entorpecidos assistindo a filmes violentos. Neste mundo, nós vemos muitos heróis em meio a pessoas comuns que surgem para ajudar, trazer um raio de esperança e que também estão comprometidos a elevar o estado de espírito da sociedade. Estes heróis comuns são uma dádiva, eles realmente são Seres Espirituais. A mídia deveria ressaltar tais atos de bravura e algumas vezes até faz isto!

O educacionistas precisam acordar e criar uma educação de paz para que as próximas gerações sejam tanto sensíveis quanto sensitivas com relação a vida. Os líderes religiosos precisam se juntar para promover o bem comum da humanidade e reformar os equivocados. Eu acredito fortemente que tudo isso é uma possibilidade na nossa própria geração.

Muitas vezes as pessoas que se sentem muito apaixonadas por uma causa se justificam em adotar meios violentos em sua busca. Eles são levados por um senso de retidão, apesar de mal colocado e seu comprometimento por uma causa é louvável. Eles estão prontos para resolver as diferenças através do diálogo se abordados da maneira certa.

Nós tivemos sucesso em trazer vários extremistas de volta de uma vida de violência e reabilita-los na sociedade. Na verdade, muitas de nossas escolas gratuitas em regiões afetadas por terrorismo na Índia, são tocadas por antigos extremistas. Eles eram hostis no início, ameaçando os nossos voluntários, mas quando eles viram que estes esforços estavam beneficiando suas próprias comunidades, eles mesmos se tornaram voluntários.

Os nossos pensamentos e orações estão com aqueles afetados pelos ataques. Tais incidentes causam raiva e podem levar a uma polarização baseada na etnicidade e na religião, mas a verdadeira polarização acontece entre aqueles com a mente/visão abertas e aqueles com a mente fechada. Enquanto um fanático com uma visão fechada pode ver apenas diferenças que nos dividem, é necessário sabedoria e visão ampliada para ultrapassa-los e chegar a valores que nos unem. O mundo precisa deste último e não do antigo!”

Sri Sri Ravi Shankar