A minha própria companhia

Entre a névoa que vem me perseguindo nos ultimos dias e nos últimos textos, decolo para o novo!

O medo da solidão e do estar sozinho é do mesmo tamanho de não conseguir embarcar entre esse mau tempo.

E a vida é isso, um frio na barriga que surge quando o novo aparece. Uma sequência de desafios a serem vencidos um a um.

Decolei, percebi que o primeiro medo já foi vencido e estou pronto para a novidade.
Curtir a minha companhia, não atrelar minha felicidade a ninguém e a nada, simplesmente ser, estar e viver.

Boas férias!

28/07/2018 19:32