Mulheres não são acessórios

A gente passa a vida achando que é necessário ser bonita para ser aceita, que a nossa beleza é essencial para que sejamos “assumidas” pelos homens em relacionamentos, porque afinal precisamos passar pelo aval da família dele, dos amigos dele, ficar bem nas fotos e etc.

Pense nas roupas masculinas e compare com as roupas femininas. Em festas e eventos, os homens estão sempre iguais, mesmo terno e gravata ou smoking enquanto as roupas das mulheres são reparadas, comentadas, dissecadas e ai delas se usarem um vestido igual ou parecido! Existem sites, programas de televisão e colunas em revistas especializadas em comparar uma a outra pra ver quem ficou mais bonita.

Tendo isso em mente eu vou contar um segredo pra vocês:

Não é porque uma coisa acontece e é “comum” que você precisa fazer.

Mudar a condição das mulheres como acessórios ou atração ou competidoras pela atenção de homens e nos colocar no patamar de “seres humanos” está nas nossas mãos.

O que podemos fazer?

. Primeiramente e mais importante: não competir com outras mulheres. Principalmente a atual do nosso ex. Sim, ela mesma. Não se comparar e não competir. Deixe a vida fluir naturalmente, se eles estão juntos não há nada que você possa fazer a não ser seguir sua vida e ser feliz.

. Não compactuar com a indústria de comparações, não dando atenção a manchetes sensacionalistas que colocam mulher contra mulher

. Denunciar esse comportamento nas mídias sociais, demonstrando que não gostamos de ver isso.

Você pode continuar se arrumando se isso te faz sentir bem? Lógico que sim! Pode e deve! Porém respeite a mulher que não faz o mesmo. E vice versa!

Com pequenos passos conseguimos grandes coisas!

Com respeito ao próximo e amor próprio vamos longe!

texto por Cida Neves originalmente publicado em ouseservoce.tumblr.com