Integrantes da Chapa 1 conversam com bancários do ITM-Itaú e Vila Santander

A campanha da Chapa 1 — resistência e luta ao lado dos bancários continua e, nesta quarta-feira (12), foi dia de conversar com as bancárias e bancários do Centro Administrativo do Itaú (ITM/ITAÚ), na Vila Leopoldina, e na Vila Santander, na Zona Norte da capital paulista.

A candidata e futura presidenta do Sindicato dos Bancários, Ivone Silva, dialogou com diversos funcionários sobre a próxima eleição e explicou aos colegas a importância da votação. “É um exercício democrático. Votar na Chapa 1 representa votar na resistência e na luta dos trabalhadores nos próximos anos”, diz.

Além da eleição do sindicato, Ivone convidou os funcionários a participarem da greve geral, no próximo dia 28, contra a política de cortes do governo ilegítimo de Michel Temer e a retirada de direitos dos trabalhadores. “É muito importante para todos nós essa paralisação. Precisamos defender os empregos e lutar contra as reformas.”

Sobre os perigos da Lei da Terceirização, Ivone alerta que o banco Santander, por exemplo, já está se preparando para terceirizar várias áreas. “O Sindicato tem feito interferências para que não terceirize e garanta os empregos. Por isso, precisamos resistir e lutar”, afirma Ivone.

A eleição que irá definir a nova Presidência do Sindicato será realizada no período de 25 a 28 de abril, e as urnas irão passar nos locais de trabalho.