8 COISAS QUE VOCÊ NÃO SABIA SOBRE A TANLAN.

1. Os 4 já foram 5.

Sim. Lá no começo, a banda teve na sua formação original, um guitarrista além do Beto Reinke, Tiago Garros, Fabio Sampaio e Fernando Garros. Seu nome é Wilkerson “Kiko” Maggioli, um grande guitarrista de hard rock da cena de Porto Alegre. Naquela época , o Fábio era somente o vocalista e tocava violão ocasionalmente . Com a mudança de estilo da banda, Kiko saiu. Mas continuou tocando seus projetos e acima de tudo, continuou um grande amigo .

2. Guitarra? Violão? Ukulele? O instrumento original do Fábio é o baixo.

Fábio Sampaio é baixista. Tanto que seu e-mail até hoje é fabiobass . Ao vir de Manaus para Porto Alegre para morar com a família (originalmente, Fábio é de Recife, mas seu pai é militar e mudou de cidade muitas vezes) , ele cursou música na faculdade de Belas Artes da UFRGS. E durante algum tempo, tocou apenas este instrumento nos grupos de louvor nas igrejas locais. A guitarra aconteceu mais pela necessidade da banda em continuar com duas guitarras.

3. Inicialmente a banda só tocava em bares, festivais universitários , feiras e casas de espetáculos seculares.

Embora hoje, 90% do público da banda sejam os cristãos, a ideia da banda nunca foi ser exclusivamente para este público. Durante muitos anos e ainda até hoje , a Tanlan faz questão de tocar em ambientes fora das igrejas também. É claro que à medida que o tempo foi passando, os convites para tocar em eventos evangélicos foi aumentando. Mas a banda entende que há muito espaço para ser explorado e ocupado por uma arte feita por cristãos, mas que deve chegar a todas as pessoas. Por isso tanta preocupação com letras e uma estética musical que possa ser apreciada por todos. Sem preconceitos. E foi assim que a banda tocou em lugares como programas de tv, feiras, universidades, escolas, bares e festas em várias cidades brasileiras. Lugares que uma banda “normal gospel” nem sonharia em tocar.

4. O Tiago, além de baixista, é doutorando em Teologia e está conduzindo uma pesquisa sobre Ciência e Religião.

Viu? Nem tudo é rock n´roll. Nosso baixista-sabe-tudo-e-leitor-de-manuais está defendendo uma tese sobre Ciência e Religião, em seu doutorado pela faculdade EST, em São Leopoldo (RS). Por conta da sua tese de pesquisa, já teve a oportunidade de viajar para as Ilhas Galápagos, no Equador e para a Cidade do México. E recentemente, passou 6 meses estudando na Universidade de Oxford, na Inglaterra, onde morou com sua esposa Mariana.

5. A letra de Louco Amor foi escrita pelo Fernando .

Uma das músicas mais pedidas nos shows e também nas playlists do Spotify, Deezer e Apple Store tem a co-autoria do nosso baterista, Fernando Garros. Ele veio com com a espinha dorsal dela praticamente, e num trabalho de brainstorm, que passou a ser muito comum depois, o Fábio foi adicionando elementos aqui e ali.

6. Fábio, Beto e Tiago já tocavam juntos numa banda antes.

Verdade. A banda se chamava Fábio Sampaio & Banda. Original, hein? Com uma pegada bem mais folk, na linha Dave Mathews Band, Steven Curtis Chapman e Jars of Clay, a banda alcançou um relativo sucesso na região de Porto Alegre. Além deles, na formação ainda tinha o baterista Marcus Vinícius dos Santos. Tempos depois, Fernando Garros convidou os 3 para formarem o que seria o embrião da Tanlan, com a adição do guitarrista Kiko . E o resto é história.

7. A Tanlan já tocou em vários concursos de música. Nunca ganhou nenhum.

A banda já tocou praticamente em todos os ambientes possíveis. De garagem a casa de praia. Sim, dentro de uma casa. Na praia. No inverno. Mas foram os festivais que renderam as histórias mais curiosas. Em vários deles, a banda sequer chegou às finais. Em outras , ficou no quase. Como arte é uma coisa que envolve gosto pessoal e é complicado de se atribuir valor, os rapazes nunca esquentaram a cabeça com isso. O importante sempre foi a experiência e o nome na vitrine. E a janta grátis.

8. Sim. A gente já tocou no Acre.

E foi muito legal. Com tacacá e tudo.

Show your support

Clapping shows how much you appreciated TANLAN’s story.