A falácia da “frequência afetiva”
Laura Pires
72731

Laura, esse texto tá demais. Não sei nem o que dizer porque concordo com você em cada uma dessas palavras!

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.