Como faz pra curtir mil vezes esse seu post?
Iuri L Machado
41

Bom Iuri, sorte sua que você trampa com elixir. Achei elixir muito gostoso. Eu trampo com tecnologias arcaicas elaboradas para coisas desinteressantes. 
O que eu acho é que fica muito difícil desencanar de boas práticas e Roadmaps para lançar mão de algo diferente, principalmente, porque isso demandaria algo extremamente complicado: as pessoas teriam que parar e pensar só que, sinceramente, ninguém está muito afim de fazer isso (nem o parar e muito menos o pensar).
De qualquer forma, no meio de medíocres eu me sinto acima da média. O engraçado é que sou, assim como vários de meus ex-colegas, um merda. A única diferença, ou pitada de sal, é que tenho interesse legítimo pela dor e sabor de ser um desenvolvedor enquanto muitas das pessoas com quem estudei facilmente optariam por qualquer outro trampo caso isso lhes oferecesse uma remuneração igual.

O meu tio já falava: “a vida é dura e o brasileiro médio, de um jeito ou de outro, tem que sentar em cima dela”.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.