Tirana: a rainha de bastões roga a si mesma

Está vendo

que estou chamando

há meses

e Deus não comparece?

Mandei os pombos,

o mensageiro real.

Mandei mimos,

bálsamo e os melhores

bombons.

Mandei um convite com meu brasão

e depois disparei

uma intimação.

Mandei Vir Aqui

Agora

e nem se digna.

Não está à altura,

não é digno.

E se então

sou eu que tenho

de me rebaixar e

ajoelhar

por aquilo de que preciso,

que eu o peça

a quem possa me dar -

Ó, coração meu,

tende piedade de mim.


(Ilustração em pastel oleoso sobre papel craft e manipulação digital, por Bela Sancho)