Nas ruas ou nas entranhas?

Às vezes dá vontade de fugir. Desse lugar que parece não nos pertencer. Desse lugar que dói no peito, que dá tanto medo. Desse lugar que não parece mais ser o nosso lar. Mas onde fica de fato esse lugar? Lá fora ou aqui dentro? Nas ruas ou nas entranhas? Será que realmente isso tudo não nos pertence? Ou simplesmente não sabemos tão bem assim quem somos?

O mundo está ai apenas para nos mostrar que tudo do lado de dentro anda fora do lugar. O lado de fora não há. Não são dois lados. Estamos todos no mesmo lugar.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.