Conheça o Blaxploitation: movimento negro cinematográfico norte americano

Inspirado nos chamados race films, nome pejorativo usado pela indústria para classificar as produções cinematográficas negras entre as décadas de 1910 e 1950, surge no início da década de 1970, o Blaxploitation. Com um nome que já comunica a que veio, unindo black (“negro”) e explotaition (“exploração”), os filmes blaxploitation eram protagonizados e realizados por atores e diretores negros e tinham como publico alvo, principalmente, os negros norte-americanos.

Atores como Richard Roundtree de Shaft filme dirigido por Gordon Parks e o campeão de caratê Jim Kelly que contracenou com Bruce Lee em Enter the Dragon se destacaram como os principais artistas deste gênero. Ainda tivemos a consagração de Pam Grier que atuou em Coffy (1973), de Jack Hill e ficou famosa também por sua atuação em Jackie Brown de Quentin Tarantino, 18 anos mais tarde.

Shaft, dirigido por Gordon Parks lançado em 1971 com orçamento da MGM, foi o filme que mais se popularizou no gênero. Outros clássicos da blaxploitation são: Sweet Sweetback’s Badaaass Song dirigido por Melvin Van Peebles, Black Caesar dirigido por Larry Cohen, Coffy, Blacula e Cleopatra Jones, em 1977, o filme Black Samurai também foi destaque, entre outros.

As trilhas sonoras dos filmes blaxploitation eram compostas por músicos, arranjadores e produtores musicais consagrados da musica negra norte americana como Curtis Mayfield, Isaac Hayes, James Brown, Quincy Jones, Barry White e Marvin Gaye.

Bucktown (1975) é um de ação e crime, lançado pela American International Pictures, dirigido por Arthur Marcas e estrelado por Pam Grier e Fred Williamson como Duke Johnson; um homem que chega em Bucktown para enterrar seu irmão, dono de um bar, que foi morto depois de se recusar a pagar policiais corruptos para a proteção.

Depois de ser ameaçado, ele chama seu amigo Roy (Thalmus Rasulala) e sua gangue para ajudá-lo, mas a gangue de Roy decide tomar o controle da cidade e Duke terá de lutar contra a gangue de Roy sozinho.

Gostou da história? Então corre! Bucktown só está disponível na Netflix até meados de novembro. Quem gosta de ação e de um bom filmezinho preto não pode deixar de conferir esse clássico.

Em breve publicando pelo site oficial, aguarde!

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store