Toronto, o trem das onze e o ir e vir pela cidade

Se Jaçanã fosse em Toronto, Adoniran Barbosa com certeza poderia passar mais alguns minutos com seu amor. Afinal de contas, aqui o último trem não sai as onze horas. Inclusive o ilustre cantor brasileiro teria muitas opções pra voltar pra casa, a hora que fosse. E sua mãe, aquela que “não dorme enquanto ele não chegar”, teria boas e tranquilas noite de sono. Bem vindo a Toronto.

Aqui a cidade não para. Com neve ou sem neve, pessoas vão e vem. Seja nos transportes públicos, nos carros, bicicletas ou mesmo andando pelas ruas. Uma coisa te garanto: você vai chegar aonde você quer sem muitas dificuldades. Então, quer descobrir Toronto?

Você pode ir de ônibus

Eles não são 100% britânicos em seus horários, mas beiram os 98%. O TTC (Toronto Transit Commission) oferece mais de 140 rotas de ônibus, com cerca de 1800 veículos rodando. Bem, o que isso quer dizer na prática? Quer dizer que pagando $3.25 (valor regular) você não vai esperar muito pra pegar seu ônibus; não vai viajar, na maioria das vezes, espremido ou de pé; há integração com os metrôs e por aí vai. Sobre as tarifas, você tem como opção o Metropass — um cartão mensal por $141.50, além de outras alternativas (Presto). Ah… também existe a linha “Blue Night” que circula pela cidade da 1:30am até as 5:00am, caso você perca o “trem das onze”. Uma boa dica é ter o aplicativo RocketMan no celular, o que vai te dar horários, rotas e updates.

Você pode ir de metrô

As linhas de metrô de Toronto, em tese, chegam aos quatro cantos da cidade. São 4 linhas que vão do norte ao sul e do leste ao oeste. Operam, durante a semana, das 6:00 até as 1:30 am. Os intervalos entre um trem e outro são bem curtos nos dias úteis, principalmente nos horários de pico. Obviamente que sempre tem aquele dia de “caos”, mas a logística como um todo flui bem. Afinal de contas, não deve ser muito fácil transportar quase 2 milhões de pessoas por dia sem uma gafezinha. O valor regular do metrô também é $3.25. A título de informação, você pode levar sua bike, seu cachorro ou gato pra passear de metrô de vez em quando, caso queira.

Você pode ir de streetcar

O streetcar, conhecido como “bondinho” ou “trólebus” em algumas cidades do Brasil, também é muito usado em Toronto. Eles circulam principalmente na região central da cidade. Seu jeitão mais tranquilão, porém efetivo, é convidativo para aquele passeio descompromissado. Tipo um dia só pra pegar um e curtir a cidade, as paisagens, as ruas e as pessoas, sem muita pressa. Todos eles vem sendo renovados e substituídos mês a mês por novos e modernos modelos. Além disso, as formas para pagar a passagem tem sido ampliadas para facilitar e popularizar ainda mais o seu uso.

Você pode ir de bicicleta

Tirando o inverno cortante, onde só malucos encaram essa gelada, andar de bicicleta por Toronto é tranquilo. Atualmente existem cerca de 550km de ciclovias espalhadas pela cidade. Há planos de expansão para mais 500km. Porém, um dos principais motivos de tantas pessoas de todas as idades pedalarem por ai, é o fato de que estamos numa cidade plana, além de um certo respeito mútuo entre carros e bikes, com ressalvas. Não é um amor platônico, mas é melhor do que em muitos lugares do mundo. Pedalando pela cidade você nota uma estrutura favorável: desde o transporte das magrelas no ônibus e metrôs, compartilhamento de bikes pela cidade, trilhas sinalizadas, uso das leis de trânsito por parte dos ciclistas, além de aplicativos do gênero. No verão tem-se a sensação de vermos mais bikes do que carros pelas ruas. Enfim, ter uma magrela é sempre uma boa: para saúde e para o bolso, e não esqueça o cadeado.

Você pode ir a pé

Sim, você pode ir a pé, e mesmo em dias de -30ºC. Toronto possui aquele famoso e extenso “PATH” subterrâneo pra você andar quentinho de um lado para o outro de Downtown. São cerca de 30km de corredores cercados de lojas, serviços e entretenimento, e um clima agradável, claro. Tudo bem que pra você se perder lá embaixo não é difícil, mas no inverno vale tudo pra fugir do frio. Contudo, nem só de inverno vive o Canadá. Andar pela cidade durante o verão é quase obrigatório e apreciar a beleza das ruas com suas árvores multicores durante o outono também. Além disso, saiba que as calçadas são bem pavimentadas (traduzindo: sem muitos buracos e valas), há um respeito pelos pedestres e uma relativa facilidade em se localizar pelas ruas — é tudo um quadradão! Devo concordar que ir a pé não se trata de um “transporte”, mas vez ou outra ser transportado pela beleza das ruas de Toronto vale muito a pena.

Você pode ir de trem

Repito mais uma vez: os trens aqui não param as 11 horas. Quando falamos de trens, geralmente referimos aqueles utilizados pelas pessoas que vivem na GTA — ou seja, nas cidades que circulam Toronto. A pessoa trabalha em Toronto, mas não mora em Toronto. Assim, os trens intermunicipais são ótimas alternativas aos deslocamentos cansativos, estressantes e custosos feitos de carro pelas Highways todos os dias. A empresa que opera essas linhas de trem, a Metrolinx — Go, atende praticamente todas as cidades da região. Entretanto, caso seu horizonte seja mais distante, também existem aqueles passeios de trenzinho que vão bem mais longe, que atravessam várias províncias canadenses — como é o caso da TransCanadá, que corta Toronto a Vancouver em 4 dias. Insane.

Você pode ir de avião

Não sei se você sabe, mas o Canadá possui cerca de 1.400 aeroportos em todo país. Ou seja, chegar voando por aqui não é difícil. O maior e mais famoso deles é o Toronto Pearson Airport. São mais de 400 mil voos por ano, com um trânsito superior a 40 milhões de pessoas indo e vindo. É avião e gente e malas que não acabam mais. Dali você pode ir pra qualquer lugar do mundo, e obviamente do Canadá. Dependendo da época do ano, você pode pegar um avião e ir até Quebec ou Ottawa por uns $250, ou menos. Então, cuide bem do seu passaporte, deixe sua mala sempre a vista, porque nunca se sabe se naquele fim de semana prolongado você não estará voando por ai.

Bônus: Você pode chegar de UP Express

Explico. Você chega no Canadá, mais especificamente em Toronto, lá no Pearson Airport. Você quer fazer aquela surpresa pra sua família, amigos ou sei lá quem. Você e aquele monte de malas. O que fazer? Pegar um táxi. Hummm, pode sair caro. Ir de ônibus? Pode demorar e ser um pouco cansativo e trabalhoso. Transfer? Até é uma boa, mas pode custar uns trocados. Então, quero lhe apresentar uma alternativa em que o custo/beneficio agora vale a pena: o UP Express. É um trem expresso que sai do aeroporto e vai até a Union Station no centro de Toronto, em apenas 25 minutos. Detalhes: tem poltronas deliciosas, tem wi-fi, tem ar condicionado, tomada para carregar o celular, espaço para deixar aquele monte de malas que você trouxe etc. Caso você tenha o cartão Presto, a tarifa fica em $9, sem o cartão você paga $12. Só te falo uma coisa: vale a pena.

Enfim, posso até cantar que “não posso ficar nem mais um minuto com você”, mas com certeza não vai ser por causa do horário do trem. Bom passeio.

.

Cadastre seu email aqui e receba uma baciada de informações e dicas sobre essas terras canadenses.