5 apps gratuitos e essenciais para o empreendedor iniciante

Mão segurando o celular
Pixabay

Se você pretende abrir ou já é dono do próprio negócio, saiba que você pode (e deve!) contar com apps para te ajudar a gerir sua empresa. Principalmente se você é um Microempreendedor Individual e não possui uma equipe grande para lhe ajudar, é sempre bom ter algumas ferramentas, como aplicativos (apps), para facilitar seu dia a dia. E o melhor: sem pesar no bolso.

Existem aplicativos que podem ser muito úteis e ajudar a melhorar o seu negócio. O site da EXAME selecionou alguns deles e nós trazemos para você aqui. Confira:

1 — Aussi

Aussi/Reprodução

O Aussi, por exemplo, é um aplicativo voltado para empreendedores iniciantes. Por meio dele, você pode se conectar, gratuitamente, a outros empresários e pode solucionar dúvidas entre si.

Com essa plataforma você pode se comunicar pessoas que entende de vendas, finanças, marketing, legalização, planejamento e sustentabilidade para empresas, por exemplo. Cada resposta pode receber avaliações de outros usuários, melhorando ainda mais essa comunicação. Também há uma área exclusiva para conteúdos com vídeos de empreendedores contando o segredo do seu sucesso.

O Aussi é gratuito e está disponível na versão para Android e para iOS.

2 — Evernote

John Larson/Flickr

O Evernote é um aplicativo que vai te ajudar a gerenciar suas atividades (até mesmo as da vida pessoal). Lá é possível escrever e armazenar notas de diversos assuntos, em formatos como texto, áudio e foto. Além disso é possível acessar a ferramenta em diversos dispositivos e compartilhar com quem desejar.

O Evernote possui os planos Basic (gratuito), Plus (40 reais por ano), Premium (80 reais por ano) e Business (24 reais por usuário e por mês). Há a versão para desktop, para Android e para iOS.

3 — Hi App

Hiapp/Reprodução

O Hi App é um aplicativo feito principalmente para quem sempre se esquece de levar cartões de visita para uma reunião (ou se preocupam com o meio ambiente). A ferramenta permite que você tenha seu primeiro cartão de visita 100% digital.

Com ele, o empreendedor pode criar, editar e compartilhar seu cartão. Além disso, dá para criar pastas e separar os cartões de seus contatos por eventos, por exemplo.

O aplicativo possui uma versão gratuita e outra paga, voltada para empresas maiores. Nesta, o dono de negócio pode criar cartões e customizar para diversos funcionários, reduzindo o custo com reimpressões e ajudando a reduzir o desperdício de papel. Quando os membros acessam o app, já encontram seu cartão pronto.

O Hi App está disponível para Android e para iOS.

4 — Qipu

Qipu /Divulgação

Lançado pelo Sebrae e pelo Buscapé, o Qipu é uma ferramenta que ajuda a controlar as obrigações das microempresas, mandando alertas sobre contribuições fiscais, sobre a arrecadação do microempreendedor ou sobre os benefícios a que ele tem direito.

O aplicativo, por exemplo, tem lembretes inteligentes para os que perdem a data de pagamento do DAS (Documento de Arrecadação do Simples Nacional); tem um sistema de controle financeiro, que vincula as receitas e gastos com a declaração anual; e permite registrar e emitir notas fiscais e recibos pelo celular.

O aplicativo é gratuito e está disponível para desktop, Android e iOS.

5 — Trello

Trello/Divulgação

O Trello é bastante conhecido por ser uma ferramenta de gerenciamento de projetos em listas extremamente versátil e que pode ser ajustada de acordo com as suas necessidades. Por meio de cartões, é possível dividir áreas de um projeto e acompanhar o progresso de cada um dos setores, por exemplo. A ideia é se livrar de post-its, planilhas e softwares complicados.

Há tanto um plano gratuito quanto dois planos pagos: o Business Class (10 dólares por mês e por usuário) e o Enterprise (até 20,83 dólares por mês e por usuário). Ele possui aplicações para desktop, Android e iOS.

Pesquise cada um deles e veja quais poderão ser úteis no seu negócio, afinal, a tecnologia deve ser utilizada para facilitar sua vida!

Já leu nosso último post “Confira oportunidades promissoras para lucrar neste Natal”? Confira aqui.


Originally published at Blog.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.