Lutar contra um problema não irá resolvê-lo, só agravá-lo.

Quantas vezes nos debatemos diante de uma situação que, aparentemente, não tem solução?

Nós nos sentimos angustiados e por vezes até desesperados, acreditando que desta forma receberemos a resposta para os nossos questionamentos. Nós só agimos desta forma porque estamos cegos, pois a nossa identificação com aquilo que chamamos de problema está nublando toda a nossa visão. Achamos que ao nos debater o mundo irá se curvar diante de nós e atenderá às nossas súplicas.

Só que não é bem assim…

Quando criança crescemos acostumados a ter as pessoas atendendo os nossos desejos. É que ninguém nos ensinou a olhar pra dentro pra acalmar a nossa criança e ver que é lá no nosso íntimo que encontramos o conforto que a reclamação não pode dar. Reclamar é uma tática de funcionamento a curto prazo porque não é a dependência que a vida espera de nós.

Isso não significa que você deixará de pedir ajuda. De modo algum. Mas há uma larga diferença entre receber ajuda e depender dela.

Respire. Tem jeito. (Imagem retirada da internet)

Agora voltando ao tópico principal do nosso assunto. Mas por que se debater contra um problema não o resolveria? Afinal, não estou tentando resolvê-lo? Bem, experimente dar socos bem fortes contra uma parede. Quanto mais forte você bater mais dor sentirá. É o mesmo princípio na vida prática. Quanto mais viciada a mente está em problemas, mais problemas ela encontrará para resolver.

A princípio parece difícil se acalmar diante de algo que queremos resolver porque não estamos observando a situação “de fora”. Já reparou que quando alguém nos sugere uma solução pensamos, “poxa, por que não pensei nisso antes?”. É porque essa pessoa estava de fora. E é possível nós mesmos estarmos de fora da situação para sair da ilusão do “não tenho saída”. Respire, minha amiga. Respire, meu amigo. Isso não significa que você vai perder o controle da situação porque caiu na “pasmaceira”. Não. Você só estará em si pra que as fichas comecem a cair.

Se você gostou deste texto e acha que ele poderá ser útil para alguém, clique em ❤ e compartilhe com seus amigos! A sua contribuição é muito importante :)