Café trançado

Ela serve o melhor café. Pode ser um espresso, curto ou longo, quem sabe um cappuccino. Seja qual for, é ela quem serve o melhor café e com ele, como se precisasse, sempre traz um adorno. Um sorriso delicado, mãos desenhadas, rosto esculpido pelo artista mais dedicado que se tem notícia, um coração cheio de bondade e uma mente repleta de sentimentos que ora a fazem sorrir por fora, ora chorar por dentro. Mas é o café dela que vem com tudo isso. E em raras ocasiões, que considero milagres da vida, o café vem acompanhado pelo mais belo e perfeito par de tranças que eu já vi. E é esse o meu café favorito.