astronomiA

abra os olhos, meu amor

veja a estrela mais linda que jamais existiu
ela nasce agora nos seus olhos
galáxia que brilha em sua retina
é a suspensão do momento
são supernovas em beijos
equações de saudades, de desejos
vagando pelo espaço dentro de ti
e dentro de mim
um universo paralelo
explode em um acorde complexo
reflexo da relatividade entre tempo e espaço
um abismo entre dois passos
buraco negro entre o nós
silêncio, intermitente, contra o som

e a sua voz
todo som que eu quero ouvir

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.