POETA É A PUTA QUE O PARIU

sou poeta de quinta categoria
não fiquei no claustro
limando a escrita
fiz minha poesia nas esquinas
vendo as putas sendo pagas
por homens sem amor
minha poesia não tem rima
é a vida torta
um horror

Poema: Bruno Latorre

Imagem: Nan Goldin