Você não precisa de um plano mestre — só precisa começar

Tudo precisa ser uma ideia de um bilhão de dólares que muda o mundo ou não vale a pena ser feito.

Nos dias atuais, nem um bilhão não parece ser o suficiente.

Eu assisti a provavelmente oito apresentações de unicórnios recentemente, e cinco delas usaram a palavra “trilhão”. Eu não acredito ter ouvido a palavra trilhão em uma apresentação para investidores antes daquele dia.
Mas nós fizemos algo no ecossistema para encorajar esse tipo de promoção estranha — onde você sente que é necessário usar palavras como trilhão.

A realidade é que, para cada plano mestre de dominação mundial cuidadosamente articulado, a maioria das empresas que tem um impacto enorme iniciou com ambições modestas. Algumas só queriam dar a estudantes uma alternativa para o emprego de verão. Outras queriam fazer seus amigos se sentirem como cafetões.

A maioria não teria eliminado o obstáculo da idéia de bilhões de dólares.

O pai de um grande amigo meu perdeu o seu emprego alguns anos atrás. Sem ideia nenhuma de conseguir um novo a curto prazo, a família se uniu para tentar começar um negócio online que pudesse fazer dois mil dólares por mês. Eles não procuravam começar um império, mas algo pequeno que pudesse ajudar a segurar as pontas durante o desemprego do pai.

Com o passar dos anos, eu assisti essa pequena empresa crescer de alguns mil dólares por mês em receita para alguns milhões. No ano que vem, esse negócio feito para segurar as pontas vai faturar mais do que $100M em receita.

Nem todo negócio de um bilhão de dólares começa com uma ideia de um bilhão de dólares. Nem tudo que não recebe investimento de VCs não vale a pena ser feito.

Começar com algo na esperança de faturar $1.000 extras por mês é tão valioso quanto tentar colonizar Marte. Comece pequeno e dê espaço para sua ambição crescer.

Você pode se surpreender do quanto pouca ambição é necessária para eventualmente mudar o mundo.