Voo livre

Escrever por prazer ou mesmo por puro descarrego. Voar sem rumo. Cantar sem esperar nada em troca. Aprender com os pássaros; cantar como o sabiá, voar como a andorinha, construir como o joão de barro.

A liberdade é um estado de espírito. Acreditar no próprio potencial torna leve e dá asas. Mas, muitas vezes não é fácil; tudo ao redor parece induzir à dependência e à alienação.

Romper a estética; precisamos mesmo de parágrafos?

Questionar hábitos e comportamentos enraizados. Será que faz parte de mim ou alguém colocou isto ali?

Questionar a si mesmo sempre

Desapegar de velhos comportamentos e buscar coragem e força de vontade para mudar.

Sempre podemos mudar; aliás, somos uma mudança constante. NADA ESTÁ PARADO, NADA DURA PARA SEMPRE.

As correntes são imaginárias e somos nós mesmos quem as prendemos. Deixar passar toda a doença egoísta.

O corpo sabe se curar, e o faz o tempo todo. A pressa em melhorar é parte da doença. O ritmo natural às vezes parece lento, mas é constante e implacável; temos de lhe respeitar.

Futuro e passado são delírios da mente doente. Estamos aqui agora, e é isso que importa: ganhamos mais um momento para aproveitar a vida. Sejamos conscientes e valorizemos o presente que temos.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.