Elvis 81 e Bowie 69

As duas lendas da música quase compartilharam mais do que um aniversário

Presley gravou “Bridge Over Troubled Water” em junho de 1970 e a canção logo entrou para o repertório do cantor em sua residência de shows em Las Vegas, dois meses depois, entre os dias 10 e 13 de agosto.

O compositor da canção, Paul Simon — da dupla Simon & Garfunkel (que lançara a música apenas seis meses antes), assistiu a uma dessas apresentações em Vegas. Depois do show, ele disse, impressionado com o que Elvis fez com sua canção: “É isso aí, podemos todos muito bem desistir agora”.

“Bridge Over Troubled Water” gravada no The International Hotel (hoje Westgate), em Las Vegas, no dia 11 de agosto de 1970.

“Bridge Over Troubled Water”, inclusive, é muitas vezes mais reconhecida pela versão de Elvis do que a de Simon & Garfunkel, mas o Rei a tocou ao vivo poucas vezes. Uma dessas poucas vezes foi em junho de 1972, em uma de suas raras apresentações em Nova York. E os shows entre os dias 10 e 12 daquele mês, no Madison Square Garden, contaram, inclusive, com a presença do outro aniversariante do dia, David Bowie.

Bowie era fã de Elvis, claro. Só que além do aniversário e da legião de fãs, compartilhou poucas coisas com seu ídolo — mas foi por muito pouco que não se aproximaram. Em 1975, o músico inglês lançou o single “Golden Years” e o ofereceu para Presley gravar. Infelizmente, ele não quis. Mas pode ter certeza que a reação de Bowie, ao ouvir uma versão de Elvis para uma canção sua, seria igual a de Paul Simon.

“Golden Years”, composta e gravada por David Bowie para o disco “Station to Station”, de 1976.