Como começou a tradição de 15 anos?

A história começou com a vinda das famílias nobres para o Brasil. Os bailes de debutantes faziam sucesso por aqui durante a década de 50, e assim surgiram publicações em colunas sociais e competições. O rito da transição de 15 anos se manteve em nossa cultura.

As famílias passaram a realizar os bailes de debutantes juntas para economizar, reunindo-se em clubes e apresentando as meninas de 15 anos à sociedade. O foco era o papel social que a menina ia desempenhar, e não suas escolhas.

Mudança de Paradigmas

Os bailes de debutantes tradicionais foram crescendo e tomaram outras proporções. Com o empoderamento das mulheres e uma liberdade de escolha maior, a festa passou a ser movida pela vontade da aniversariante. Até a questão de os jovens virarem influenciadores e decidirem mais modificou o que viria a ser a “Festa de 15”.

O Sonho dos 15

Não é só de valsa que se faz o sonho de 15. Várias inovações podem surgir, como festas em grupo ou mesmo viagens. Mas se a escolha for investir na tradição, o melhor é confiar em alguém que saiba planejar eventos e saiba dar dicas de estilo.

15 Anos e as Festas Atuais

Hoje vemos festas extraordinárias unindo tradição e estilo próprio. A criatividade aumentou, as meninas querem um momento único e isso pede decorações e experiências diferenciadas. É comum a festa seguir até de madrugada.

Atualmente, o estilo da aniversariante define muito sobre como vai ser a festa. Pode ter um ambiente mais clássico, romântico ou moderno.

Está pensando em fazer sua festa? Faça esse teste e descubra um pouco mais sobre o que pode te agradar.

Veja mais dicas na página do Buffet Dona no facebook!