Decisões

Ah, as decisões da vida…
Fazem um nó na cabeça dos coitados
E levam energia a cabeça dos decididos

Como elas são vívidas
Coloridas e cinzentas
Às vezes num tom magenta
Mas sempre com pigmentos

Pode ser das boas ou das ruins
Das fáceis ou das difíceis
Mas não vão passar despercebidas
Vão ser vividas, do primeiro ao último instante

E nessas decisões escolhe a que ter cercar do imprevisível
Te cercar de pessoas que tomam decisões a todo tempo
E que tomam decisões inspiradoras, junto com você

Cerque-se do invisível para aprender a enxergar
Cerque-se do inatingível para aprender a acertar
Cerque-se do inesquecível para aprender que na verdade só se esquece o que já chegou esquecido

E quando a decisão for errada
Abrace-a, contemple-a, sem decisões erradas como você iria saber?
Sinta-se grato por errar
E ainda mais por aprender com o erro
Porque quando suas chances de errar acabarem, tudo acabou

Like what you read? Give Palavras do Fisca a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.