Primeiras páginas

De forma quase que mágica aguardamos o calendário virar, como se surgisse um novo caderninho, páginas brancas e um capítulo novo pra começar.

Caio Blumer
Jan 2 · 2 min read

01.01.19

Virou o ano. Começou o episódio novo. Temporada nova.

São aí 365 páginas pela frente, até que vire um capítulo novo em 01.01.2020.

Se a oportunidade esperada era a vibe de "um novo começo, fresquinho, novinho e recém chegado com cheiro de saído da fábrica", chegou. Não tem mais desculpinha não.

O novo caderninho de 300 e tantas páginas já começou a rodar. Hoje é dia 02 e você já deve ter começado a escrever o seu ano.

Como escrevi no Instagram, quem dá as folhas é a vida, mas quem escolhe o que vamos escrever e como vamos escrever, somos nós.

O caderninho é de 2019 mas tem o nosso nome no rodapé de cada página.

Peso? Não vejo como peso, vejo como oportunidade.
Claro, há quem encare como "peso" de assinar todos os dias com o seu nome, porque as coisas não saem como esperado, a vida muda, o caldo desanda vez em quando. Mas que história você conhece que não tem seus desafios?

Aliás, são eles que dão graça a coisa toda.

Só se lembre que, na grande maioria das vezes, heróis e vilões são de uma diferença bem simples: a forma, o olhar de como encaram cada desafio.

À partir de hoje, seja bem vinda e bem vindo à consciência de que, você também, é um escritor e uma escritora.

Te vejo em próximas páginas por aí.
Feliz caderninho novo!

Caio Blumer

Written by

Inteligência de Conteúdo na Eureca (@eurecame). Eu escrevo para aprender e aprendo para escrever.

Welcome to a place where words matter. On Medium, smart voices and original ideas take center stage - with no ads in sight. Watch
Follow all the topics you care about, and we’ll deliver the best stories for you to your homepage and inbox. Explore
Get unlimited access to the best stories on Medium — and support writers while you’re at it. Just $5/month. Upgrade