Porque é tão difícil ter empatia pelas pessoas?

Empatia significa a capacidade psicológica para sentir o que sentiria uma outra pessoa caso estivesse na mesma situação vivenciada por ela. E porque isso é tão difícil?

Cada pessoa tem uma vivência diferente. A família, a forma como somos criados pelos nosso pais, tios ou avós influenciam nossos sentimentos. Com o passar do tempo teremos amigos que serão de igual importância. Tudo ao nosso redor irá moldar nossa personalidade e como agimos diante de cada situação.

Uma pessoa pode não se incomodar em não receber uma mensagem de boa noite, mas outra pode se sentir como se isso fosse o pior sentimento de abandono possível. Isso não quer dizer que a primeira pessoa seja forte e que a segunda exagere com seus sentimentos. A forma como elas reagem hoje é a influência de tudo o que viram, ouviram e viveram. Talvez a segunda tenha perdido a mãe que sempre lembrava dela ao anoitecer.

Apenas Você sente o que você sente!

Sua dor é apenas sua!

Mas isso volta a minha pergunta: Porque é tão difícil sentir empatia pelas pessoas? Talvez porque não acompanhamos a vida da pessoa, não sabemos os desafios e triunfos que elas passaram para chegar onde chegaram. E se aquela pessoa acompanhou? E se mesmo assim os seus sentimentos forem menosprezados como algo de enorme exagero?

Cada um terá uma reação diferente!

A resposta, não que ela seja fácil, mas é simples: é evitar o julgamento. E, principalmente, evitar mostrar a pessoa que seu sentimento é inferior por você não sentir o mesmo.

Simples?! A mudança começa com um pequeno passo… Começa com um pequeno sentimento de empatia ao próximo. De amor por alguém que você não quer ferir. A dor é uma só, mas a felicidade pode ter várias formas.

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Camila Bonifácio’s story.