Comunique-se

Pinterest

A comunicação é a resposta para todo tipo de relacionamento. É o que ouvimos por aí. Seria bem simples, se não fosse tão complexo. Seria simples, se não fosse tão doído, “invasor” de nosso mais profundo “eu”.

Comunicar-se não é questão de prática. Comunicar-se é questão de desprendimento, humildade. Reduz teu ego e perceba o que sobra de você. Reduz teu ego e perceba o que você tem a dizer.

Coragem? Sim. É preciso muuuita coragem. Mas o medo é de que? O medo é da exposição. E o que que há com a exposição? A verdade sobre o que realmente somos. Não o que o ego nos defende ser.

Comunicar-se é questão de empatia. Que tem tudo a ver com a humildade ali citada. Não posso compreender o outro com a sua totalidade. Mas posso lhe garantir o direito de se expressar. Posso verdadeiramente o escutar e entender a dor, não que há em mim, mas que há nele, independentemente que eu entenda ou não tal dor.

Comunicar-se é burlar os silêncios e apelar para o autêntico. Apelar para trocas constantes de quem se é. É dividir o eu interior, é fazer valer o eu interior. É não economizar em palavras, é dizer em verdade.

Comunicar-se nem sempre vai levar ao caminho mais fácil. Comunicar-se pode levar a esclarecimentos que hoje você ainda nem entende e nem quer aceitar. Mas, de um jeito ou de outro, será sempre a melhor saída. Dias bons sempre serão seguidos de dias ruins, que depois se transformarão em dias incríveis e por aí vai. Faz bem aceitar isso. Só não faz bem aceitar em silêncio. Só não faz bem aceitar com pendências.

Comunique-se.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.