APRENDENDO COM AS ABELHAS

É interessante como a sabedoria abre nossa visão, a cada dia me surpreendo com a capacidade que adquiri a pouco tempo.
Tenho aprendido a aprender, por mais redundante que isso pareça, tenho aprendido com pequenas coisas, absorsorvido memoráveis lições com pessoas simples, e observando aqueles que por instinto fazem algo e nos deixam uma impressionante lição.
 Esses dias meus olhos captaram a imagem de uma abelha coletando o néctar de uma flor. No mesmo instante, minha mente me remeteu algumas imagens, pessoas, situações, e momentos.
Tenho certeza que todos nós em algum momento de nossas vidas já parou pra observar uma bela flor, possivelmente, logo em seguida até fez um comentário que ressaltava sua a beleza.

Não são poucos os que com o passar do tempo perderam sensibilidade.

Talvez você esteja se perguntando que relação que isso tem efetivamente com sua vida.
 É provável que você não tenha percebido, assim como eu não tinha percebido até então.
 Apesar das flores serem belas, delicadas, admiradas e ainda exalarem um bom aroma, possuem espinhos. Isso fala sobre mim e sobre você. As pessoas têm muitas qualidades, mas também possuem espinhos, espinhos estes que em alguns momentos nos machucam.
 O que posso lhe dizer quanto aos espinhos é o seguinte: Eles não são um empecilho para o relacionamento entre as abelhas e as rosas.

Os defeitos das pessoas também não podem ser um impedimento para o nosso relacionamento com elas.
 As abelhas aprenderam a extrair de alguém cheio de espinhos o seu melhor, o seu néctar ...
 Assim precisa ser conosco, precisamos aprender a extrair das pessoas o melhor que elas possuem, mantenha o foco nas qualidades e não nos defeitos. Valorize mais o néctar do que os espinhos.
 Se as abelhas conseguem fazê-lo apesar de serem meros seres não pensantes, o que você seria capaz de fazer se unisse sua capacidade de pensar com o princípio aprendido?