Portuguesa iniciará Série D em seu pior momento na história

O anúncio de Émerson Leão como novo Coordenador-Técnico da Portuguesa trouxe esperança de dias melhores para a Lusa, mais pelo nome do que pela experiência na função, apesar de ter tido uma longa carreira como treinador, mas o que se viu em campo não foi nada do que se imaginou.

Desde 2013, quando foi rebaixada de forma polêmica da Série A para a Série B, a Portuguesa vem caindo de forma assustadora e triste para os amantes de futebol, que se acostumaram a ver a Portuguesa jogar os principais campeonatos do Brasil, a realidade do time hoje não é a mesma de 2013, a equipe está no fundo do poço, mas por incrível que pareça, esse poço pode chegar em uma profundidade ainda maior.

Em 2017 a tradicional Lusa jogará a Série D do Campeonato Brasileiro, e se não garantir o acesso (Que é bem provável de acontecer), a equipe não disputará o Brasileirão em 2018, o time que caiu para a Série B por incompetência de seus dirigentes em 2013, amargou a lanterna da Segunda Divisão em 2014, na Série C, fez uma campanha mediana ficando na oitava colocação geral do campeonato. Em 2016 de forma até surpreendente, a equipe ficou em 18¤ e foi rebaixada para a última divisão nacional.

A Lusa chegou a ser Vice-Campeão Brasileiro em 1996

2017 que seria o ano de recontrução, do renascimento da Portuguesa, a equipe que não disputa a Série A1 do Campeonato Paulista desde 2015, quase amargou o rebaixamento para a Série A3, ficando com a mesma quantidade de pontos de Velo Clube e Barretos que foram rebaixados, a Lusa se salvou graças a uma vitória a mais que seus adversários.

A Série D começará dia 21 de Maio para a Portuguesa, que enfrentará a Desportiva Ferroviária-ES no Canindé, o grupo conta ainda com o tradicional Bangu-RJ e o Villa Nova-MG. A expectativa não é das melhores, a equipe anunciou o veterano Marcelinho Paraíba como reforço para o Campeonato, mas com 41 anos de idade, o jogador que atuou no Treze-PB no 1¤ semestre, já não é mais aquele que atuou nos grandes clubes do Brasil, e é uma grande incógnita. A equipe terá a experiência do treinador Estevam Soares no banco de reservas, que terá a dificílima missão de levar a Portuguesa de volta à Série C.

Marcelinho Paraíba é a estrela e principal esperança da equipe para a Série D

Os torcedores e simpatizantes da Lusa esperam que a maldição no Canindé termine o quanto antes, já que ver o fim da tradicinal Lusa seria uma verdadeira catástrofe.