Casamento não é obrigação e imposição, casamento é AMOR.
Filho não é obrigação e imposição, filho é AMOR.
Quando nasce um bebê, nascem também uma mãe e um pai. 
Ou pelo menos eu acredito que será assim comigo.
Não tem obrigação e imposição, de ninguém... tudo que é forçado é sofrido. 
Fomos criados para sermos livres e eu acredito no amor livre, na independência das emoções de cada um.
Estar com alguém ao meu lado nunca será um fardo, nunca será humilhante, vai ter liberdade para estar em qualquer lugar do planeta, mas vai preferir estar ao meu lado!
É esse tipo de amor que acredito e que idealizo para a minha vida. Do contrário, não precisa. Não precisamos. Não há de ser uma necessidade de provar algo. 
Pessoas usam pessoas porque não conseguem ficar sozinhas. Olhar para dentro de si mesmo quando está cheio de feridas é perturbador. Aprendi com as minhas feridas fechadas e cicatrizes (que me fazem lembrá-las mas não revivê-las) que não sou metade de ninguém: sou intensa e sou inteira.
Venha o que vier, mas seja de verdade, seja com AMOR.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.