dia 132 // p e r d a s e g a n h o s

o que se perde e o que se ganha nessa jornada #semcasa?#oqueaprendovivendosemcasa, Lisboa

desde que assisti a um filme chamado ‘coisas que perdemos pelo caminho’ uso continuamente essa metáfora. tem muito a ver não apenas com esse meu momento, mas também como lugar comum de qualquer trajetória. tem as coisas mais óbvias, como tudo que precisei me desfazer para estar aqui. roupas, objetos e um monte de tralhas. mas também todas as outras que foram se perdendo de forma menos intencional. um lenço perdido em carmel by the sea, a calça de pijamas que rasgou e deixei em lisboa, um creme esquecido em algum banheiro, a bolsa que quebrou o fecho. quando partimos sempre deixamos um traço, um rastro. seja ele físico ou emocional. os amigos deixamos em cada lugar que passamos. faz parte da trajetória também perder essas coisas pelo caminho, as memórias, as sensações, os sorrisos e acolhimentos. por mais que faça um grande esforço para guardar aqueles momentos, no celular ou na memória, muitos deles vão sendo engolidos pelo tempo. mas ainda que perca coisas pelo caminho, tenho certeza que vou sair dessa jornada com muito mais bagagem do que entrei. #semcasa #nomads #nohome #homeless#globetrotter