RETROSPECTIVA 2018

2018, o ano que pegou fogo

Nesse momento do ano a gente senta e reflete sobre o que aconteceu. E tem muita coisa pra refletir sobre 2018. Coisa demais. Eu preciso de um drink. Mas antes, fiquem com alguns altos e baixos de 2018:

Ciência

Em alta: Olavo de Carvalho

Em queda: fatos

Celebridades

Em alta: Fernanda Lima

Em queda: Neymar

Pornô

Em alta: pornô feminista

Em queda: ereção do Doria na suruba

Economia

Em alta: Paulo Guedes

Em queda: conta bancária de todos que não são milionários

Música

Em alta: Roger Waters

Em queda: fãs do Pink Floyd que achavam que “The Wall” era uma música sobre um engenheiro civil construindo uma casa

Política

Em alta: Deuxx

Em queda: todo o resto

Internet

Em alta: PC Siqueira

Em queda: cabelos do Nando Moura

Tecnologia

Em alta: Instagram

Em queda: Facebook

(ambos são da mesma empresa, então em queda mesmo tá a gente que vicia nessas redes sociais)

Memes

Em alta: “Que tiro foi esse” — vai voltar com tudo após a liberação das armas

Em baixa: Ursal — caiu de quinta economia mundial para sexta

Imprensa

Em alta: fake news

Em queda: profissão de jornalista

TV

Em alta: Netflix

Em queda: TV

Fashion

Em alta: pochete

Em queda: direitos humanos