Engodo

Eu não faço poesia,

eu atraio as palavras

com petiscos de dor.

Tem dias

que as palavras miam,

imploram,

se enroscam em minhas pernas,

pedem pra sair.

Outros dias

faço armadilhas com rimas baratas,

com letras roubadas da lua,

com o vento sobre os telhados

pra atrair novos gatos,

fazer poesia

que não sei fazer.

A single golf clap? Or a long standing ovation?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.