Detalhes que farão o token RLC da iExec “bombar” em 2018

Já é sabido para aqueles que fazem uma rápida busca no Google, que o iExec é um projeto franco-chinês que está criando um modelo de “descentralização da nuvem” que, com base em um mercado global de computação em nuvem, permitirá que todos possam alugar o poder de processamento de seus computadores pessoais para obter um lucro extra.

Mas o que pouca gente sabe é que alguns detalhes poderão fazer o token RLC ter uma alta brusca de preço durante o ano de 2018. É sobre esses detalhes que vou tratar neste artigo. Continue comigo nos parágrafos seguintes para entendermos melhor o que pode acontecer no futuro, e como a iExec poderá influenciar todo mercado de criptomoedas nos próximos anos.

É preciso provar que funciona

Startups como Golem e SONM também propõe projetos relacionados a cloud-computing, supercomputadores e descentralização da nuvem. Porém até o momento não se tem nada palpável e funcional para que seja mostrado e constatado o potencial dessa inovação.

A iExec parece ser a primeira nesse ramo a demonstrar o funcionamento da tecnologia em uma versão básica (V1), também disponibilizar ferramentas para desenvolvimento em sua plataforma (SDK) e lançar sua loja de dApps, cumprindo as primeiras etapas do roadmap proposto em seu whitepaper.

“Version 2", o monstro ganha vida

Previsto para Maio de 2018, o lançamento da versão 2 será muito importante para a startup pois trará efetividade a ideia de criar um mercado on-line que permite a todos oferecer seus recursos de computação e interagir diretamente com os compradores e interessados em poder computacional.

O ponto interessante desta etapa é que possibilitará que pesquisas e serviços que demandem um alto processamento para serem realizadas, ou mesmo um processamento frequente, poderão acontecer a partir de agora. Por exemplo, pesquisas científicas em áreas como biologia, física, astronomia, pesquisas ligadas a áreas da medicina, além de recursos relacionados a Smart-City, AI, Big Data, IoT, Fintech, and green IT. Eliminando gastos enormes com servidores e a centralização de poder computacional de maneira geral.

Redução de gastos ainda é pouco compreendida

Ainda não está claro para o mercado como a utilização de uma solução de computação em nuvem descentralizada poderá reduzir custos para as empresas e provedores de serviços. Mas por outro lado, as únicas referencias para este fim, até agora, são os serviços das gigantes de tecnologia Amazon e Google e suas soluções de nuvem de alto custo e de efetividade pouco conhecidas.

Isto por sua vez configura um nicho de mercado interessante que a iExec planeja explorar em 2018 e nos anos subsequentes.

Listando na Bitfinex, a maior exchange do mundo

Anunciada em meados de Agosto e lançada em Dezembro 2017, a Ethfinex é um desmembramento da plataforma Bitfinex. Essa nova plataforma utiliza o know-how do motor de negociação e do cliente da Bitfinex, porém atuará como uma entidade totalmente nova e independente, construída para a comunidade Ethereum.

Ao acessar a plataforma, encontramos uma nova funcionalidade chamada “Token Listings”, onde é indicado os tokens que a Ethfinex planeja listar. E já no dia do lançamento, o token RLC constava na sua lista de futuras listagens. Isto é um sinal de reconhecimento importante para a iExec, pois indica que o time da Bitfinex está acompanhando de perto o andamento do projeto da startup francesa e avalia como promissor ter o RLC negociado em sua plataforma.

Estes foram alguns detalhes pontuais que podem levar a uma valorização fora do esperado para o token RLC e tornar a iExec uma startup que revolucionará o mercado e quebrará paradigmas em 2018. Agora é aguardar os lançamentos e ver como o mercado reage a tudo isso.


ATENÇÃO: Este artigo tratou dos detalhes que farão o token RLC da iExec “bombar” em 2018, baseado em minhas impressões pessoais do contexto atual da iExec no mercado de criptomoedas. Portanto, este não se trata de conselhos ou recomendações para investimento.

Escrito por: Cezar Nazareth

Twitter: @cezarnaz

Facebook: facebook.com/cezarcwb10

Like what you read? Give Cezar Nazareth a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.