[COMICS] Cavaleiro da Lua: Recomeço (Review)

Se tem um personagem super obscuro e esquecido da Marvel, esse é o Cavaleiro da Lua! Essa minha mania de gostar dos personagens secundários, me fez conferir a saga “Cavaleiro da Lua: Recomeço”, roteiro de Brian Michael Bendis, arte de Alex Maleev e cores de Matthew Wilson. 149 páginas o volume 1 e 132 páginas o volume 2, publicado pela Editora Panini Comics em março e abril de 2015.

O que achei interessante: o Cavaleiro da Lua tendo uma chance de se reerguer no Universo Marvel, literalmente. Tem muito personagem “no limbo” da Marvel, achei o máximo darem uma chance para ele. O que a história nos conta: Marc Spector, o nosso justiceiro mascarado de múltiplas personalidades, agora vivendo em Los Angels, California, está produzindo uma nova série de TV “A Lenda de Konshu”, baseado em sua história de vida. Para quem não sabe, Marc foi ressusitado pela Deusa da Lua egípcia Konshu. Um belo dia, ele recebe a visita de Capitão América, Wolverine e Homem-Aranha, para que ele fique de olho na costa oeste dos Estados Unidos, pois uma onda de crimes estava ocorrendo ali.

O que achei legal, Brian Bendis conseguiu pegar muitos personagens secundários, como Boca de Leão (Sheoke Sanada), Conde Nefária, Mr. Hyde, Eco e Madame Máscara para dar uma base nessa história. Cara, “Boca de Leão”, lembro dela nas histórias do Capitão América, onde ela usava um espalhafatoso uniforme e vivia se batendo com a Cascavel. Tempo de nostalgia hahahaha. Eu tinha uns 14 anos quando li essas histórias, é muito gostoso ver uma personagem desse tipo de volta ao Universo Marvel. Essa personagem parece ter sido inspirada na vocalista da banda Yeah Yeah Yeahs, Karen O! Alias tem uma música chamada “Gold Lion” no album Show Your Bones, será que tem alguma coisa a ver? hahahaha

No meio da investigação de crimes na costa oeste, o Cavaleiro da Lua encontra uma cabeça de Ultron, e pira! Sim! Marc Spector sofre de múltiplas personalidades, achei o máximo ele conversando com elas hahahaha Muito doido!

É uma história bem suave de se ler, os maravilhosos desenhos de Alex Maleev ajuda a construir a trama. Adoro as poses e enquadramentos que ele cria. Vi um Cavaleiro da Lua bem estabilizado no Universo Marvel. Brian Bendis até brinca com a “secundariedade” do personagem, fazendo um capanga do Conde Nefária não reconhecendo o nosso herói (ele pergunta o nome dele). O relacionamento com a Nova Vingadora “Eco” é bem interessante também, uma heroína surda que combate o crime com artes marciais (ok, não ache clichê a última parte).

Falando na arte de Alex Maleev, encontrei num sebo da Avenida Paulista a saga da Mulher Aranha (ela retomando sua vida depois da Invasão Skrull), desenhada por ele. Fiquei ali folheando todo encantado, ele ilustra muito bem! Infelizmente não levei comigo essas edições, mas me disseram que vale somente pela arte mesmo, porque a história não é lá grande coisa. Quem sabe um dia eu consigo e venho aqui postar meu parecer?


Originally published at chasefaster.com on August 16, 2016.