tanto luto contra mim;
te aceito de braços abertos.

te amo inteiro – tão certo de si, tão porto seguro meu. 
teu cheiro é aroma que carrego na roupa e no cabelo como dose diária de calma.
teu corpo é sempre calor, sempre refúgio, sempre colo e cafuné.
te escuto como a música que foi trilha pro início de tantos dos nossos caminhos.

tu cabe dentro do meu coração –
tão imenso –
porque ele é infinito quando a questão é amor.